Fundo Estadual Eleva em 40% repasse para Assistência Social de Lauro de Freitas‏.


Lourdinha Lobo Secretária de Assistência Social
Lauro de Freitas atende a 16 mil beneficiárias do Bolsa Família 

    Matéria de Marcio: Saio no Blog 
Lauro de Freitas será beneficiado com R$822 mil do Fundo Estadual de Assistência Social (FAZ), cujo Plano de Ação foi apresentado aos prefeitos e prefeitas, ontem (6) à tarde, pelo secretário de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza, Carlos Brasileiro, no Centro de Convenções da Bahia. O montante para os 417 municípios ficou em R$ 62,9 milhões. O repasse, que se baseia na capacidade de execução das ações e no que já foi desenvolvido pelos municípios, representa aumento superior a 40% em comparação ao ano passado. O Plano de Ação e Assistência Social se insere no foco de trabalho proposto pelo governo do Estado no Pacto Pela Vida lançado pela manhã, com a participação do ministro da Justiça José Eduardo Cardozo.

De acordo com a secretária de Assistência Social e Cidadania de Lauro de Freitas, Lourdes Lobo (Lourdinha), que integrou a mesa de autoridades representando o Colegiado de Gestores Municipais de Assistência Social do Estado da Bahia (COEGEMAS/Ba), a assistência social está na base do combate que deve ser feito à todas as formas de violência. Ela acredita que é preciso investir mais recursos financeiros nas Secretarias Municipais de Assistência Social. “Para cumprir o papel que os governos federal, estadual e municipal nos atribuem no Plano Brasil sem Miséria, precisamos figurar entre os maiores orçamentos da União, dos Estados e dos Municípios. Em Lauro de Freitas, até 2005, a Assistência Social se posicionava entre os menores percentuais do Orçamento Municipal. Hoje detemos o sexto maior orçamento dentre as secretarias. Isto é uma demonstração inequívoca da vontade e decisão política que temos tido para erradicar a extrema pobreza em nosso município”.

Para a prefeita Moema Gramacho, o lançamento do Pacto pela Vida junto com a assinatura do Plano de Ação e Assistência Social mostra a visão do governador Jaques Wagner sobre o que é cuidar de pessoas. “Em Lauro de Freitas vamos convidar os segmentos sociais para organizar a implantação do pacto como uma prioridade da gestão, e reforçar ainda mais a presença do social em todo o município”.

Em Lauro de Freitas, das cerca de 40 mil famílias, 16 mil são beneficiárias do Bolsa Família. Até 2005, apenas 400 estavam cadastradas. Juntos, os programas Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada (BPC) injetam R$ 3 milhões por mês na economia local. As intenções da secretária é ampliar as conquistas: “As nossas equipes já estão em campo para cumprir o pedido da presidenta Dilma de fazer a busca ativa das famílias em estado de pobreza que ainda não são atendidas pelos programas do governo federal”.

Oitava economia do Estado, Lauro de Freitas conta com cinco Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e um Restaurante Popular que serva 3 mil refeições diariamente a R$ 1, incluindo suco e sobremesa. Para essa ação de combate à fome, R$250 mil são investidos por mês na política de segurança alimentar. Nos dois mandatos da atual prefeita Moema Gramacho, serão entregues cerca de 8 mil unidades habitacionais populares, por meio de programas habitacionais em parceria com o Governo Federal. Lauro de Freitas implantou praticamente todos os programas sociais do Governo Federal é hoje referência em Assistência Social e Segurança Alimentar no país.

Comentários